INHOTIM PARA CADEIRANTES – parte II

Descrição: foto de Ieska sentada na cadeira de rodas com um fundo de parede amarela, chão com pedras e uma faixa de grama. Ela está sorrindo olhando para o lado direito, usa óculos escuros com aros vermelhos e suas mãos estão repousadas sobre os joelhos. Ao seu lado, a frase Inhotim para está sobre uma faixa vermelha, seguida da palavra cadeirantes sobre uma faixa azul. Logo abaixo, a frase por Ieska Tubaldini está em uma faixa amarela. Ocupando uma parte da faixa azul e amarela, uma pequena faixa roxa escrito Parte II. Fim da descrição.

Você chegou aqui e não faz ideia de quem eu sou. Está certo, não te culpo por isso! Olá! Eu sou a Ieska (com "i"!) e a Fatine me convidou para essa pequena invasão no mês de janeiro. Começamos falando do Instituto Inhotim e pode ser que você encontre mais sentido nisso tudo se começar … Continuar lendo INHOTIM PARA CADEIRANTES – parte II

Anúncios

A Barbie não transa, mas eu sim!

Barbie não transa

Por Luana Milan A famosa boneca da Mattel, muitas vezes usada para representar nosso ideal de corpos reais, falha em não possuir a principal característica de toda mulher: sua xoxota. O padrão mais desejado de face e corpo ainda hesita em divulgar o que todas temos em comum. O medo de sexualizar a maior ferramenta … Continuar lendo A Barbie não transa, mas eu sim!

Se for para rir, que seja comigo

Há sempre um tema recorrente em discussões em grupos de movimentos sociais: qual o limite da piada? Muitos foram os casos de manifestações inflamadas nas redes sociais contra comediantes que por descuido ou não deslizaram no tom de suas apresentações. Algumas pessoas acreditam no humor desmedido, livre de censuras e moralidades. Outros, defendem a ideia … Continuar lendo Se for para rir, que seja comigo

De novo? Sério isso?

Se você tem algum tipo de deficiência física onde necessita de acessibilidade nos espaços, certamente já fez esta pergunta ao encontrar algum lugar sem adaptações necessárias para te receber. Talvez tenha dito algo semelhante enquanto navegava nas redes sociais e se deparou com uma postagem ou vídeo de alguém com deficiência comentando sobre suas dificuldades … Continuar lendo De novo? Sério isso?

Qual é a voz do seu corpo?

Se me perguntarem uma das palavras para representar a tendência visual da nossa época, sem dúvida responderia "corpo" ou "auto imagem". Acredito que não houve em outro momento um sentimento de controle do corpo, ou body control, como a atual. Somos donos da nossa identidade e a usamos para nos reafirmar. A selfie na frente … Continuar lendo Qual é a voz do seu corpo?

Será que sou eu?

Começa com uma ideia nova, um frescor de inspiração depois de um longo período sem produzir nada. A novidade nos revigora, dá ânimo para traçar novos planos, sonhar com possibilidades de mudar algo em nossas vidas. Ainda que seja pouca coisa como testar uma nova receita de molho ou mais significativo como mudar de emprego, … Continuar lendo Será que sou eu?