A Barbie não transa, mas eu sim!

Barbie não transa

Por Luana Milan A famosa boneca da Mattel, muitas vezes usada para representar nosso ideal de corpos reais, falha em não possuir a principal característica de toda mulher: sua xoxota. O padrão mais desejado de face e corpo ainda hesita em divulgar o que todas temos em comum. O medo de sexualizar a maior ferramenta … Continue lendo A Barbie não transa, mas eu sim!

Somos tias, loucas e donas de gatos

Copa do mundo rolando, o frio chegando e junho já está se despedindo de nós. Muitas coisas aconteceram nesse mês e ainda estou tentando entender de onde veio o trem que me atropelou. Esse ano, muitas foram as reflexões que tive nesses últimos dias e pretendo compartilhar com vocês algumas delas neste texto. Bom, mal … Continue lendo Somos tias, loucas e donas de gatos

Todo mundo quer um match

Ia esperar terminar todas as temporadas antes de escrever este post, mas estava me coçando para falar sobre isso, rs. Dia desses vi uma pessoa no facebook recomendando o documentário "Undateable" na Netflix. Trata-se de uma série de histórias de pessoas com deficiência enfrentando a dura jornada em busca de um amor. São várias pessoas … Continue lendo Todo mundo quer um match

Qual é a voz do seu corpo?

Se me perguntarem uma das palavras para representar a tendência visual da nossa época, sem dúvida responderia "corpo" ou "auto imagem". Acredito que não houve em outro momento um sentimento de controle do corpo, ou body control, como a atual. Somos donos da nossa identidade e a usamos para nos reafirmar. A selfie na frente … Continue lendo Qual é a voz do seu corpo?

A diferença entre ser amado e ser “útil”

O texto abaixo foi escrito pelo Pe. Fábio de Melo sobre envelhecimento, mas pode facilmente ser compreendido e interpretado também para nossa realidade de pessoa com deficiência. Portanto, boa leitura. Por Pe. Fábio de Melo “Você ter utilidade pra alguém é uma coisa muito cansativa. Tá certo, realiza. Humanamente falando é interessante você saber fazer as … Continue lendo A diferença entre ser amado e ser “útil”

Solidão da pessoa com deficiência

Dia 12 de junho, dia dos namorados. Timeline invadida por fotos seguidas de declarações de amor. Não importa o tempo do relacionamento, vale apenas o registro. Presentes, encontros, agradecimentos e toda forma legítima de deixar claro aos quatro cantos da tela o quão feliz e aventurado é aquele que possui um amor. É claro que … Continue lendo Solidão da pessoa com deficiência

O que tem a oferecer

Inicialmente gostaria de agradecer a todas que compartilharam meu texto "Feminismo sobre rodas" nas redes sociais. Foram tantas mensagens carinhosas que turbinaram meus ânimos e ativaram a vontade de continuar a caminhada. Bom saber que não estou sozinha nesta bad trip. Mas como todos os dias é um 7x1 diferente, trouxe mais um ponto a ser … Continue lendo O que tem a oferecer

Feminismo sobre rodas

Antes de iniciar esse texto gostaria de deixar um recado para os deboístas: não continuem a leitura. Esse texto não tem nenhum propósito de ser leve, ao contrário será tal como a realidade é. Ácido, doloroso e duro. Engana-se quem pensar que estou sendo gratuitamente radical ou apresentarei algo que não corresponde a sua experiência de vida. Se este último … Continue lendo Feminismo sobre rodas